>::




O governo “técnico”: uma tentativa de enterrar a política

por Luiz Carlos Azenha

Nas minhas leituras dos jornalões brasileiros tenho encontrado, sempre em tom de elogio, menções ao fato de que Dilma Rousseff imprimiu um caráter “técnico” a seu governo. Isso em contraste ao que teria sido o caráter “político” do governo Lula.

O sociólogo Alberto Carlos Almeida irritou muitos de vocês ao escrever que Lula é emocional por causa da baixa escolaridade, fazendo contraponto com a racionalidade de Dilma, de formação universitária.

Há quem veja nisso uma tentativa de criar dissensão entre Lula e Dilma. Mas pode ser uma simples diferença de estilo real entre os dois.

Suspeito, no entanto, dessa tentativa de enterrar a política.

Seria apenas o renascimento, sob outra roupagem, do discurso que despreza a participação popular, para não dizer o próprio povo.

O caráter “técnico” do governo Dilma excluiria o povão, por suposta incapacidade deste para decidir dentro dos parâmetros de especialização exigidos pelas “técnicas”. Num governo assim, fica muito mais fácil para quem perdeu as eleições exercer poder longe das maiorias, nos bastidores.

Seja como for, este discurso é muito mais elegante do que simplesmente mandar afogar os nordestinos.

O problema desta linha de pensamento é que, ainda que o discurso reflita a realidade, em quatro anos Lula injetará, de novo, o povo nesta equação. E é muito pouco provável que o faça contra Dilma.

Fonte: Viomundo

::

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s