>::

Serra é solidão


A dolorida solidão de José Serra


por Cristóvão Feil

Nesta hora, o monitor-zelador-babá que sempre liga para Serra avisando dos fatos que o rodeiam, estava de costas, fazendo xixi.


Serra não existe. Só pode ser obra de ficção de algum escritor demente e mau humorado.

A fotografia acima, não é montagem. É de autoria do fotógrafo do grupo Folha/UOL, Júlio César Guimarães. Foi tirada na última terça-feira, dia 26 de outubro de 2010, no estádio do Maracanã, que está em obras de completa reforma.

Uma fotografia para ilustrar em definitivo a campanha do candidato da direita brasileira às eleições gerais de 2010.

É de perguntar: o que José Serra foi fazer – e posar – junto a escombros, ruínas e destruição? Que impulso mórbido leva um sujeito a tal desatino que conspira contra suas próprias aspirações?

Clique na imagem para ampliá-la.


Fonte: Diário Gauche

::

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s