>::

Procura-se desesperadamente por um factóide que funcione

do blog do Len

A oposição está esfacelada, desanimada e rezando para o corner jogar logo a toalha. Faltando pouco mais de 45 dias para as eleições, o desafio da imprensa agora é evitar a autofagia na oposição, e para obter algum sucesso precisa desesperadamente reverter o quadro eleitoral, que aponta para vitória no primeiro turno para Dilma, e por diferença humilhante.

Como o consórcio oposição/imprensa raciocina em plano cartesiano de duas dimensões em vez de três, a única alternativa que eles conhecem para tentar reverter as tendências apontadas nas pesquisas é a tese da desqualificação do adversário, utilizando o aparato da grande imprensa que repercute fielmente e tenta validar qualquer argumento da oposição, mesmo que seja absurdo.

Resta a eles acreditar que dentre tantos factóides criados e que não funcionaram, acarretando perda de credibilidade crescente desses veículos de comunicação, apareça uma “bala de prata”, que seja mágica o suficiente para influenciar uma população satisfeitíssima com o atual governo de forma que acreditem que a candidata apoiada pelo presidente mais popular da história do país, não merece o seu voto a ponto de entregar o país para a oposição a esse governo bem avaliado.

O problema é que nessa busca incessante pela bala de prata, esses veículos de imprensa acabam por arranhar suas imagens de forma definitiva. Não resta dúvida para ninguém que tenha o mínimo de inteligência que essas empresas sempre apoiaram projetos políticos de direita, mas antes conseguiam disfarçar de forma que a maioria não conseguia perceber esse posicionamento, no entanto com a radicalização eleitoral e o nível ansiedade para retomar o poder, mostrados por essas pessoas, alguns acabaram perdendo o limite e evidenciaram posições de forma mais escancarada.

Para a sociedade essas manifestações mais escancaradas devem ser vistas com preocupação, pois empresas de comunicação estão perdendo o prurido de voltar a defender a ditadura e ditadores, avalizando toda a tortura, assassinatos e desaparecimentos praticados pelo Estado contra seus opositores, inclusive colegas de profissão. Esse prurido que apareceu depois da sociedade exigir a volta da democracia, diga-se de passagem, sem nenhum apoio desses veículos.

Agora a máscara começa a cair, muito provavelmente contando com a diluição da revolta pelo tempo, e empresas de comunicação que se beneficiaram por fazer jornalismo chapa branca durante a ditadura e depois da democratização tentaram passar uma imagem de quem era a favor da ditadura, agora voltam a escrever editoriais e incentivar jornalistas a fazerem matérias do tempo mais negro da história do Brasil, tentando reescrevê-la de forma vil e covarde, fazendo de vilões os heróis do povo Brasileiro.

O consórcio Imprensa/Oposição está parecendo cego em meio a um tiroteio, completamente perdidos e mal-assessorados.

Fonte: Blog do Len

::

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s