::

A Globo se posiciona

por Guilherme Scalzilli

Difícil saber se o que mais enoja no episódio da vinheta da Rede Globo é a cara-de-pau da emissora ou o cinismo de seus defensores. Fosse numa TV estatal venezuelana, nossos “democratas” estariam indignados.
Não há margem para dúvidas acerca das intenções da peça: repete-se o mote da campanha de José Serra e a tipologia do “45” é quase idêntica à utilizada pelo PSDB. Uma passada pelo documentário “Muito além do Cidadão Kane” (1993), de Simon Hartog, derruba qualquer possibilidade de coincidência inocente. Nada muito distante, aliás, do “padrão Ali Kamel” de subjornalismo.
Não sei se a emissora retirou a campanha do ar por causa da repercussão negativa. Tudo parece planejado demais. As inserções durante o Fantástico foram suficientes para medir o comportamento da audiência e estabelecer uma linha de identificação subliminar que continuará servindo à campanha de Serra.

Fonte: blog do Guilherme Scalzilli

::

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s