>

::

O silêncio comprometedor

por Carlos Motta


A Folha revela que FHC finalmente vai reconhecer o filho que teve com uma jornalista que vive há anos na Europa. Já tratei do assunto em crônica publicada no dia 5 de abril de 2007.

O caso todo é nebuloso.

Como é possível, num país em que a imprensa funciona com inteira liberdade, inclusive para estraçalhar reputações, condenar sem provas, achincalhar qualquer um que se atreve a ir contra seus interesses, que o fato, notório em todas as redações, tenha sido sonegado do público por 18 longos anos?

De duas, uma: ou a imprensa brasileira não vale absolutamente nada, ou FHC tem mais poder do que se imaginava.

Ou tudo pode ter sido, apenas, uma notável confluência de interesses: de um lado, um político ambicioso, de outro, uma instituição gananciosa.

O acerto, que parece vigente até hoje, mostrou-se excelente para as partes, péssimo para a o país.

Fonte: Crônicas do Motta

::

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s